Fórum de RPG baseado na saga de George R. R. Martin, As crônicas de gelo e fogo.
 
InícioInício  PortalPortal  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 [Informações] As Grandes Casas!

Ir em baixo 
AutorMensagem
O Pai
Admin
avatar

Mensagens : 57
Data de inscrição : 23/07/2013

Ficha do personagem
Pontos de Vida::
100/100  (100/100)
Inventário:
Fidelidade: Casa Targaryen [Casa Real]

MensagemAssunto: [Informações] As Grandes Casas!   Ter Jul 23, 2013 8:44 pm


CASA TARGARYEN


Brasão: Um dragão vermelho de três cabeças sobre um fundo preto.
Lema: Fogo e Sangue.
História: O brasão dos Targaryen é um dragão com três cabeças expelindo chamas, vermelho sobre um fundo negro. O dragão de três cabeças representa Aegon, o Conquistador, e suas duas irmãs, Rhaenys Targaryen e Visenya Targaryen. Seu lema é Fogo e Sangue. Embora os reis Targaryen tenham tomado como sede a cidade de Porto Real, lugar onde ocorreu o Desembarque de Aegon, a sede dos herdeiros Targaryen continuou sendo Pedra do Dragão, sua fortaleza ancestral.
A Casa Targaryen era adepta dos deuses valirianos. Durante a Guerra da Conquista, eles abandonaram sua antiga religião e se converteram à Fé dos Sete, religião predominante em Westeros. No entanto, eles continuaram a seguir a prática valiriana do casamento incestuoso entre membros da família, o que garantiria a pureza de sua linhagem e um menor número de pretendentes ao Trono de Ferro.
A expressão "sangue do dragão" se refere às típicas características valirianas dos Targaryen: cabelos loiro-platinados e olhos violeta. Alguns Targaryen também possuem uma alta tolerância ao calor, embora não sejam imunes ao fogo. Outro traço típico dos Targaryen, é a capacidade de ter premonições em seus sonhos. Aenar Targaryen era um nobre de Valíria de antes da Perdição cuja filha donzela, Daenys, a Sonhadora, teve suas visões escritas e publicadas num livro.
Uma possível consequência de suas práticas incestuosas é a propensão dos Targaryen à loucura. O Rei Jaehaerys II Targaryen uma vez disse que cada vez que um novo Targaryen nascia os deuses jogavam uma moeda para decidir se este seria louco ou poderoso.
A Casa Targaryen também adota como costume cremar seus mortos ao invés de enterrá-los.
Desde a época da Antiga Valíria, os Targaryen criavam dragões, porém estão extintos agora.
Sede: Pedra do Dragão e Porto Real, TERRAS DA COROA.


CASA BARATHEON


Brasão: Um veado coroado em preto num fundo dourado.
Lema: Nossa é a Fúria.
História: Baratheon é a mais nova das casas principais originais, tendo sua descendência desde Orys Baratheon, um dos generais mais importantes de Aegon I, e rumores diziam que fosse seu irmão bastardo. Pela linha feminina, os Baratheon descendem dos Reis da Tempestade, pois Orys matou Argilac, o Arrogante, o último dos Reis da Tempestade, e casou com sua filha Argella Durrendon. Orys adotou o símbolo e o lema da linha ancestral de sua esposa. A linhagem dos Reis da Tempestade data de antes da Era dos Heróis quando seu reino foi fundado pelo Rei Durran Desgosto-Divino, um herói lendário.
Sede: Ponta Tempestade, TERRAS DA TEMPESTADE..


CASA NYMEROS MARTELL


Brasão: Um sol vermelho, atravessado por uma lança dourada, em campo laranja.
Lema: Insubmissos, Não Curvados, Não Quebrados.
História: A fundação da Casa Martell é desconhecida, exceto que eles eram uma das famílias dominantes de Dorne que, desde a Invasão dos Ândalos possuíam uma coleção de pequenos feudos enquanto as outras regiões de Westeros começavam a consolidação de grandes reinos. Quando a rainha guerreira dos Roinares de Essos, Nymeria, veio com seu povo para Westeros, ela tomou um dos mais poderosos Dorneses como seu marido: Rei Mors Martell. Com seu poder combinado, os dois uniram Dorne sob seu comando; a Casa Nymeros Martell tem reinado desde então.
A união dos dois povos fez com que os Martell abandonassem muitos de seus velhos costumes Ândalos em favor dos Roinares. Especificamente, começaram a nomear seus governantes "Príncipes" ao invés de Reis, e suas terras e títulos eram herdados pelo filho ou filha mais velho, independente do sexo.
Quando Aegon, o Conquistador iniciou a Guerra da Conquista, ele eventualmente veio para Dorne. Seus exércitos foram exauridos pelo deserto, situação na qual seus dragões foram de pouco uso. Decidindo que a conquista de Dorne seria muito custosa, o Conquistador optou por deixar os Martell como príncipes soberanos. A Casa Martell se manteve independente dos Targaryen por dois séculos, a única casa dos Sete Reinos a realizar tal feito. Após sucessivas tentativas de conquista sobre o reinado de Daeron I, Dorne eventualmente juntou-se ao reino através do casamento entre as duas casas. A aliança foi composta de duas vias, com o futuro Rei Daeron II casando-se com a Princesa Myriah Martell e o Príncipe Maron Martell desposando a irmã de Daeron, Daenerys.
Sede: Lançassolar, DORNE.


CASA LANNISTER


Brasão: Um leão dourado em um campo carmesim.
Lema: Ouça-me Rugir.
História: Os Lannister descendem de aventureiros Ândalos que casaram-se com as filhas do Rei do Rochedo. O próprio Rei descendia de Lann, o Esperto, um lendário trapaceiro da Era dos Heróis que enganou os Casterly e conseguiu o Rochedo Casterly para si. Os Lannister reinaram como Reis do Rochedo até a Guerra da Conquista. Eles se renderam e tornaram-se senhores das Terras do ocidente.
Sede: Rochedo Casterly, TERRAS OCIDENTAIS.


CASA ARRYN


Brasão: Uma águia e o quarto crescente, brancos, sobre um campo azul-celeste.
Lema: Tão Alto Como a Honra.
História: Anteriormente à chegada dos Ândalos, o Vale era governado pelos Primeiros Homens sob o título de Rei da Montanha. Sor Artys Arryn matou o último Rei da Montanha e os Arryn se tornaram Reis da Montanha e Vale, de acordo com fontes semi-oficiais, por volta de seiscentos anos atrás. Eles renomearam a terra de Vale de Arryn, e seus reis usavam a Coroa do Falcão. Eles se submeteram a Aegon, o Conquistador e a Casa Targaryen quando o jovem rei quis montar um dragão, permanecendo como Defensores do Vale e Protetores do Leste, um título que detêm desde então.
Sede: Ninho da Águia, VALE.


CASA GREYJOY


Brasão: Uma lula gigante dourada em campo negro.
Lema: Nós Não Semeamos.
História: A Casa descende do Rei Cinzento, uma figura lendária da Era dos Heróis. Os Greyjoy se tornaram senhores supremos das Ilhas de Ferro durante a conquista da Casa Targaryen: após Aegon I extinguir a Casa Hoare, ele permitiu aos homens de ferro escolherem que teria primazia sobre eles. Escolheram Vickon Greyjoy e sua linhagem. Os Greyjoy tem governado desde então, do formidável castelo de Pyke. Os homens de ferro, entretanto, perderam as Terras Fluviais, que foram cedidas à Edmyn Tully e seus descendentes.
Assim relegados à sua triste terra natal e constrangidos pela paz do rei, os Greyjoy se mantiveram afastados das outras Grandes Casas, raramente tomando parte dos eventos no continente (à qual chamam as "terras verdes"). Em vários momentos eles tentaram retornar a suas práticas ancestrais de invadir as costas ocidentais, como no governo de Lorde Dagon Greyjoy.
Sede: Pyke, ILHAS DE FERRO.


CASA STARK


Brasão: Um lobo gigante cinza correndo sobre um campo branco de neve.
Lema: O Inverno Está Chegando.
História: Os Starks são uma casa antiga, descendente de Bran o Construtor, uma figura lendária da Era dos Heróis, que fundou a sua casa ancestral em Winterfell milhares de anos no passado, bem como a Muralha. Eles são descendentes dos primeiros homens e ainda seguem suas antigas tradições e acreditam nos velhos deuses da floresta. Os Stark eram reis do inverno no norte por milhares de anos da Era dos Heróis. Desde quando Bran construiu a Muralha, os Starks são amigos da Patrulha da Noite. O Rei da Noite, o 13 Senhor Comandante da Patrulha da Noite, pode ter sido um Stark, entre suas muitas origens possíveis. Os Starks também ajudaram a repelir vários grandes invasões dos selvagens. Por vários milênios, os Stark não eram os reis incontestáveis ​​do Norte, os seus principais adversários eram os Bolton do Forte do Pavor, que só juraram fidelidade cerca de 1.000 anos atrás. Rickard, filho do Rei Jon derrotou os cranogmanos e se casou com a filha de seu rei, trazendo o Gargalo para o reino de Winterfell sob o senhorio de Casa Reed. Os Karstark foram fundadas quando Karlon Stark, irmão do rei ajudou a conter a revolta dos Bolton. Finalmente, a Ilha dos Ursos foi concedida aos Mormonts quando o rei Rodrik Stark ganhou os homens de ferro em uma luta. Os Stark lutaram contra os Arryn do Vale pelas três irmãs, eventualmente, para ceder o controle das ilhas. Além dos Karstark, os Stark de Winterfell podem ter parentes distantes em outras partes do Norte, possivelmente em Porto Branco. O último rei Stark do Norte foi Torrhen, que se submeteu a Aegon, o Conquistador, no final da Guerra da Conquista. Desde aquela época os Starks mantiveram o Norte para os reis dos Sete Reinos como Guardiões do Norte.
Sede: Winterfell, NORTE.


CASA TYRELL


Brasão: Uma rosa dourada em campo verde-relva.
Lema: Crescendo Fortes.
História: Os Tyrell traçam sua linha de descendência, pela linhagem feminina, até o lendário Garth Greenhand, o primeiro Rei da Campina, na Era dos Heróis (indicando sua origem dentre os Ândalos invasores centenas de anos antes). Os Tyrell serviam de intendentes da Casa Gardener, a antiga linhagem de Reis da Campina, que periodicamente se casavam com casas menores da Campina como a Casa Tyrell ou Casa Florent. Seguidamente à derrota e morte do Rei Mern IX, no Campo de Fogo, Lorde Harlen Tyrell, hereditariamente alto administrador da Campina, rendeu Jardim de Cima e receveu o castelo, juntamente com o domínio da Campina por Aegon o Conquistador. Como Protetores do Sul eles frequentemente se metiam em batalhas com os dorneses, que permaneciam independentes.
Quando Daeron I, o Jovem Dragão, iniciou a conquista de Dorne, o Senhor de Jardim de Cima comandou um exército que invadiu pelo Passo do Príncipe; Após a vitória incial, Daeron apontou Lorde Tyrell como governante de Dorne. Lorde Tyrell apreciou as mulheres dornesas e uma noite ele puxou a corda que funcionava como sinal para a vinda de uma rameira para sua cama, e uma centena de escorpiões caíram do capitel de sua cama. Sua morte iniciou novas revoltas, e a conquista foi desfeita em uma quinzena.
Sede: Jardim de Cima, CAMPINA.


CASA TULLY


Brasão: Uma truta prateada pulando num campo listrado de azul e vermelho.
Lema: Família, Dever, Honra.
História: A Casa Tully tem mantido Correrrio há mil anos, sendo lordes vassalos de diferentes Reis. A Casa Tully ganhou destaque durante a Guerra da Conquista. Quando Aegon, o Conquistador atacou, Edmyn Tully foi o primeiro a se rebelar contra Harren Hoare e apoiar a invasão Targaryen. Depois disso, Aegon fez da Casa Tully lordes supremos do Tridente.
Sede: Correrrio, TERRAS FLUVIAIS.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://asoiafrpgbr.forumeiros.com
 
[Informações] As Grandes Casas!
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
As Crônicas de Gelo e Fogo RPG :: DADOS E INFORMATIVOS :: Regras & Informações-
Ir para: